Cada vez mais, brasileiros querem começar um novo negócio, seja pela necessidade de complementar a renda familiar, devido ao desemprego fruto da crise econômica que o país enfrenta ou até mesmo por um desejo natural de se tornar um empreendedor.

Entretanto, sabemos que muitos novos empreendedores acabam fechando as portas das suas empresas cedo demais, quase sempre porque não dedicaram tempo e atenção suficientes às etapas que antecedem a abertura do negócio.

Para ajudar a começar um novo negócio com maior segurança e tranquilidade, elaboramos este guia com os principais passos que você deve executar para poder realizar o sonho de se tornar um empreendedor de sucesso. Confira!

1. Conheça o mercado em que quer entrar

Antes de qualquer outra coisa, para começar um negócio, você precisa conhecer o mercado no qual pretende abrir seu negócio.

É comum que as pessoas, por nunca terem atuado dentro de um mercado específico, achem que ele é algum tipo de “pote de ouro”, garantindo lucros exorbitantes com pouco trabalho e quase nenhum investimento.

Ao pesquisar a realidade do mercado a fundo, procure por pontos positivos e negativos: existem muitas empresas nesse ramo? Com que frequência elas costumam fechar? E quantas costumam ter sucesso? Quais as perspectivas reais de lucro? Quanto terei que investir?

2. Defina de quanto será o investimento

Toda abertura de empresa requer um investimento inicial, e é preciso que você saiba quanto será preciso investir para começar seu novo negócio e quanto você pode, de fato, alocar.

Além das despesas com materiais e insumos, tenha em mente que você também precisará pagar por imóveis, contador, taxas e autorizações, alvarás de funcionamento e uma série de outros gastos que muitos empreendedores não levam em conta.

Não esqueça de reservar parte do dinheiro como capital de giro, para que a empresa possa funcionar nos primeiros meses.

Caso o dinheiro que você tem disponível não seja compatível com o investimento necessário, provavelmente será preciso repensar o modelo de negócio ou procurar um sócio.

3. Escolha a localização

A escolha da localização é crítica para o sucesso do seu empreendimento. Obter um ponto em um shopping é melhor ou talvez na rua renda mais movimento? No centro da cidade ou em um bairro residencial? Em região nobre ou talvez na periferia? Tudo dependerá do seu modelo de negócios.

Se você quer vender sorvete expresso, por exemplo, provavelmente um quiosque em um shopping movimentado seja sua melhor opção. Já se o que você tem em mente é uma gelateria artesanal, talvez seja interessante investir em um ponto em um bairro mais nobre da cidade.

Ao escolher onde abrirá seu negócio, leve em consideração: os custos de locação e condomínio e veja se condizem com seu capital de giro e com suas perspectivas de vendas.

4. Elabore um plano para começar um novo negócio

O plano de negócios portanto é como o DNA da sua empresa. É o plano de negócios que em primeiro lugar detalhará exatamente o que a sua empresa faz, o que ela vende, qual seu mercado, qual o capital investido e quem são os sócios.

Além de permitir que você veja com maior clareza se sua ideia de negócio é realmente viável, o plano de negócios permite que você trace estratégias concretas e modele a estrutura do seu negócio, especificando qual a responsabilidade de cada pessoa envolvida, qual seu público-alvo e quais suas projeções de faturamento.

Em conclusão, esses são apenas alguns dos passos mais importantes a serem tomados por quem deseja começar um novo negócio. Se você deseja aprofundar seus conhecimentos sobre abertura de negócios, portanto não deixe de conferir o artigo que preparamos ensinando como fazer uma análise de mercado. Boa sorte!