Como montar uma loja de açaí? O fruto, típico da região norte, dá origem a um creme cuja demanda só tem aumentado no país. Por causa disso, produzir esse alimento tornou-se uma oportunidade de negócios rentável para quem sonha com o próprio negócio.

Neste post, mostraremos a você como montar uma loja de açaí, incluindo quais equipamentos e estratégias são necessários para ter sucesso e todo o passo a passo para empreender nessa área.

Entenda melhor o mercado de açaí

O açaí é um produto muito versátil, o que significa que ele pode ser feito até por quem já possui outro tipo de negócio no ramo alimentício. Montar uma loja de açaí é uma estratégia igualmente rentável, pois permite que sejam criados cardápios com maior valor agregado, adicionando frutas e outros complementos que fazem com que o produto seja ainda mais atrativo para os clientes.

Uma loja de açaí pode ser localizada na rua, em um shopping ou em um supermercado, e seu produto básico é o creme da fruta com algumas opções de cobertura. São estas que aumentam o valor agregado do produto — afinal significam um preço maior pela mesma quantidade de açaí.

Produzir e distribuir açaí significa entrar em um mercado já estabelecido. Os clientes veem o açaí como uma opção de sobremesa ou refeição natural e buscam no produto benefícios para a saúde.

Aceito em qualquer época do ano e consumido em várias regiões do país, o comércio dessa iguaria exige que empresas criem diferenciais em relação à concorrência. Um ambiente bacana, a adição de outros naturais que possam ser consumidos junto ao creme e um bom atendimento são o que tornarão o seu empreendimento um sucesso.

Estime o investimento inicial

Antes de abrir qualquer empresa, precisamos considerar o investimento inicial necessário para fazê-la funcionar: a locação de um espaço, composição de estoque, compra de prateleiras e materiais de refrigeração, preparação do local (cadeiras, caixas, escritório, computadores, instalações telefônicas e impressora), entre outros.

Quem vai produzir o próprio açaí terá que considerar também o maquinário necessário para isso, mas fique tranquilo: o valor costuma ser recuperado com facilidade, pagando menos por insumos e produzindo de acordo com a demanda.

Comece com um plano de negócios

Planos de negócios são documentos que exibem os objetivos de uma empresa e os passos que deverão ser tomados para que eles sejam concretizados. É muito mais fácil ser bem-sucedido com um plano de negócio: ele orientará todas as suas ações, levando sempre em consideração os retornos que podem ser obtidos.

Para criar um plano de negócios, você não precisa partir do zero. Há modelos desse documento na internet que indicam como ele deve ser e que etapas são fundamentais na sua conclusão.

Invista nos equipamentos certos

Como mencionamos, os equipamentos são uma das maiores preocupações de quem pretende montar uma loja de açaí. Geralmente, é preciso investir em itens como:

  • freezers;
  • refrigeradores;
  • liquidificadores industriais;
  • frascos de suco;
  • micro-ondas;
  • espremedores de frutas;
  • computadores com sistemas comerciais;
  • telefones;
  • internet.

Dependendo da complexidade do negócio, outros itens serão fundamentais. Para produzir o próprio açaí, os seguintes kits são ótimas opções:​

Escolha o ponto de vendas ideal

O ponto de vendas será definitivo para o sucesso da loja de açaí. Lugares com alta circulação de pessoas são melhores para instalar esse tipo de negócio, mas é preciso segmentá-lo por público.

O consumo de açaí é maior entre a classe média, e você conseguirá vender o produto por valores mais altos se abrir a loja em uma região frequentada por ela. Pontos próximos a academias, parques e outros locais onde é comum a prática de exercícios são ainda mais visados.

O ideal é dispor de em média 30 m² para começar o negócio. Oferecer serviços de delivery pode ajudá-lo a alcançar mais pessoas, sem precisar expandir a capacidade física da loja.

Monte um cardápio diferenciado

Para ganhar bem com a venda de açaí, você deve investir em combinações que incorporem menos do produto e mais de outros itens de baixo custo. O açaí com banana, por exemplo, é uma maneira tradicional de fazer isso.

A inclusão de outras frutas da estação e a criação de um cardápio que varia conforme a época do ano também pode ajudá-lo a poupar no custo do creme e aumentar as margens de lucro. Associar açaí com outros produtos naturais, como sanduíches e sucos, fará com que as pessoas consumam mais em sua loja.

Fique atento às exigências legais

Conhecer as leis referentes à venda de açaí deve ser uma preocupação do empreendedor para evitar prejuízos. Ao abrir uma empresa, vá à Junta Comercial da cidade com os documentos necessários. Lá, informe-se sobre como proceder com as demais etapas para que o funcionamento da loja seja legal.

Dependendo do tipo do negócio, serão exigidos papéis e taxas diferentes de acordo com o local do país. No site da Junta Comercial do seu estado é possível conferi-los.

Solicite Alvará de Funcionamento, Licença do Corpo de Bombeiros e Licença Ambiental na prefeitura. Depois, faça o cadastro do CNPJ na Receita Federal e inscreva-se na Receita Estadual para recolher os impostos.

Divulgue sua loja de açaí

Agora que você já sabe como montar uma loja de açaí, vamos falar sobre o investimento em divulgação.

Desenvolva ações, promoções, crie combos de produtos e ofereça amostras grátis para que as pessoas conheçam o seu negócio. Dessa forma, você será capaz de criar estratégias que façam com que a sua marca se torne conhecida e adquira a confiança do consumidor, atingindo os objetivos definidos no seu planejamento.

Uma loja de açaí de sucesso exigirá atenção para todos os detalhes citados, do início ao fim. Essa é uma grande oportunidade de ingressar em um mercado com altas expectativas de crescimento para os próximos anos.

Agora que você já sabe como montar uma loja de açaí, que tal colocar esse investimento em prática? Fale agora mesmo com os consultores da FINAMAC e descubra como podemos ajudá-lo nessa jornada!